História


A BRUXA DE ÉVORA

Era uma vez a poderosa Bruxa de Évora que conquistou e aterrorizou gerações de corações luso-brasileiros por séculos e que possuía um caderno completamente abarrotado de poções, feitiços, bruxedos, encantamentos, banhos, rezas etc. Sua fama singrou barreiras cronológicas e físicas e aportou no Brasil com os navegantes portugueses... Sua magia criou raízes e ramificações se entrelaçando com as religiões ameríndias. As lendas sobre a Bruxa de Évora vêm povoando o imaginário ibérico desde a Idade Média, quando a Inquisição deixou sua marca de terror e perseguições gravada a ferro e a fogo naquela Península, sobretudo em Portugal.

A caça às bruxas, aos feiticeiros e às pessoas que supostamente tinham pacto com o diabo foi tão feroz e violenta que ficou registrada não apenas nos livros da Igreja Católica, mas também no inconsciente coletivo dos habitantes daquela região. Assim, a cidade de Évora ficou conhecida tanto por ser o local onde a força da Inquisição se fez mais presente como por ser uma terra consagrada ao sobrenatural e à feitiçaria. Tanto é que séculos após o término da Idade Média a força dessa personagem lendária — a Bruxa de Évora, também conhecida como a Moura Torta — ainda permanecia incólume no folclore português e acabou aportando no Brasil Colônia junto com as caravelas do descobrimento e, posteriormente, dos colonizadores.

Apesar de temida, as pessoas sempre buscaram conhecer os poderes dessa Bruxa: seus feitiços, sortilégios, banhos, amarrações, conjuros etc., com a finalidade de obter cura, proteção e sucesso no amor e na vida. Por essa razão, a autora, Maria Helena Farelli, tentou resgatar um pouco desse saber e trazê-lo progressivamente para o grande público que em pleno século XXI procura cada vez mais a ajuda da magia e dos fenômenos sobrenaturais e paranormais para transformar seu cotidiano. Filtradas as diferenças de época, as adaptações e criações sobre o tema etc. a autora conseguiu reunir um material que, sem dúvida, ajudará a resolver muitas demandas daqueles que dele precisam. É ler para crer e testar a força desta Bruxa secular que tanto assombrou seus contemporâneos. Boa Sorte e mãos à obra!

Maria Helena Farelli
A BRUXA DE ÉVORA

Chame via Whatsapp